Fibra de vidro é um material com excepcionais combinações de propriedades que não são encontradas em nenhum outro material flexível.
Suas propriedades físicas, químicas, mecânicas, elétricas e térmicas tornam este material extremamente versátil e sua aplicação atinge os mais diferentes segmentos de mercado.
Além disso, a fibra de vidro possui boa flexibilidade e um baixo peso específico.
A união de tudo isso, faz com que os produtos de fibra de vidro sejam utilizados cada vez mais e estejam em constante desenvolvimento em novas aplicações.
Fabricação da fibra de vidro
A fibra de vidro é o próprio vidro, com modificações químicas em sua composição, apresentado na forma de filamentos.
Os filamentos de vidro são produzidos a partir de uma mistura de óxidos metálicos, cujos principais componentes são: sílica, óxido de cálcio e óxido de alumínio.
Estes óxidos metálicos são fundidos a temperaturas de 1550º C e transformados em fibras a temperaturas de 1250º C, pela passagem da massa fundida através de fieiras especiais.
Após saírem do forno e antes de serem embobinadas, as fibras de vidro são tratadas superficialmente com substâncias químicas.
Este tratamento tornará a fibra de vidro compatível na aplicação com as resinas existentes no mercado.
Terminado o embobinamento, os rolos de fibra de vidro são acondicionados em estufas por um determinado período para posteriormente ela ser processada e comercializada nas suas diversas formas.
Aplicações gerais da fibra de vidro
A fibra de vidro é um material que não possui aplicação específica.
Sua aplicação se dará em função da exploração de suas características físicas, mecânicas, químicas, elétricas e térmicas.
As principais vantagens na utilização da fibra de vidro são:
Alta resistência à tração:
Mantendo-se a proporção em peso, a fibra de vidro é 2 vezes mais resistente que cabos de aço.
Alta estabilidade dimensional:
A fibra de vidro não sofre efeitos de contração e expansão com as variações das condições atmosféricas.
Alta resistência ao calor:
A fibra de vidro não queima. Mesmo a 340º C, suas propriedades são mantidas, perdendo apenas 50% de sua resistência à tração.
Boa resistência química:
A fibra de vidro é altamente resistente ao ataque da maioria dos ácidos. Com exceção do ácido fluorídrico e ácido fosfórico quente.
Alta condutividade térmica:
A fibra de vidro dissipa calor mais rapidamente que os asbestos e outras fibras orgânicas.
Excepcionais propriedades elétricas:
A fibra de vidro suporta altas temperaturas e não absorve umidade. Isto torna este material um excelente isolante elétrico.
Baixa absorção de umidade:
A fibra de vidro é um material não celular e de forma cilíndrica. Dessa forma a umidade não é absorvida e a umidade superficial é rapidamente
dissipada.

Todos os direitos reservados